Notícias

Potenciais Benefícios para os Pacientes Clínica que derivam 37º Congresso Europeu

2019-09-18

Potenciais

CERATOCONE E CROSSLINKING: trabalhos relativamente recentes apontam para um benefício acrescido no tratamento do ceratocone por Crosslinking quando é adicionado oxigénio ao momento do tratamento denominado transepitelial.

Na Clínica utilizamos há alguns anos Crosslinking no tratamento de casos específicos de ceratocone. Nas crianças e adolescentes o tratamento é feito segundo o modelo gold standard de remoção de epitélio seguido do tratamento. Nos adultos o tratamento tende a não necessitar de remoção de epitélio pelo que se torna indolor e com uma recuperação funcional quase imediata. Nesta modalidade (transepitelial) o efeito do Crosslinking não era tão intenso como quando o epitélio era removido e isso foi sempre um incómodo pois não haviam certezas absolutas sobre a eficácia do mesmo num ou noutro caso. Agora que é possível adicionar oxigénio através de uma máscara especial durante o procedimento presume-se que a eficácia será muitíssimo aumentada.

GLAUCOMA E TRATAMENTO LASER SLT: ficou cada vez mais evidente a eficácia do tratamento de glaucoma por um laser denominado “trabeculoplastia seletiva por laser” (SLT) que, em nossa opinião, deve ser considerado de 1ª linha não só pela sua eficácia quando comparado com a aplicação permanente de gotas como pela rapidez do mesmo que é simples e indolor. Assim o SLT deve ser aconselhado em quase todos os casos de glaucoma, não só numa 1ª fase para se evitarem gotas, como em fases posteriores para melhorar a eficácia do tratamento.

CATARATAS E LENTES INTRAOCULARES: foram apresentadas novas lentes das ditas monofocais com melhoria de qualidade de visão como também multifocais com melhorias na sua funcionalidade. Esperamos em breve poder utilizar esse tipo de lentes nos nossos pacientes para que tenham o melhor que há no mercado para uma visão melhorada de forma consistente e segura.

OLHO SECO E MODALIDADES: foi reforçada a necessidade de se utilizar mais frequentemente os tratamentos de luz pulsada nos casos de olho seco em que a principal causa é a disfunção de umas glândulas que se denominam de “Meibomian” assim como a melhoria no diagnóstico se medirmos a osmolaridade com um sistema chamado “Tear Lab” que a Clínica já dispõe há 2 anos mas que ainda não utilizou porque se pretendia ter a confirmação da sua eficácia nos protocolos de tratamento de olho seco.

VOLTAR

NEWSLETTER
Siga-nos
facebook vimeo

© 2015. Todos os direitos reservados.
Design e desenvolvimento: LinkAge