Notícias

Cataratas e Glaucoma

2013-09-19 18:51:04

A cirurgia de catarata baixa ligeiramente a pressão intraocular que é um fator determinante no controlo da doença que se chama glaucoma. Se conseguirmos, com a cirurgia de catarata - para além da pessoa passar a ver melhor - baixar um pouco a pressão, então poderemos obter um controlo melhorado do glaucoma. Como se sabe, o glaucoma é uma doença crónica que não tem cura mas pode ser controlada com medicação e às vezes com cirurgia. O objetivo é conseguir que a doença pare a sua evolução ou pelo que se atrase na evolução que é progressiva e irreversível. Nos casos de um glaucoma especial, predominante pelo menos no norte do país - o glaucoma pseudoexfoliativo em que as zónulas (peça de sustentação do cristalino/catarata) vão enfraquecendo - é ainda mais importante uma cirurgia de catarata mais cedo que o habitual pois que os resultados a curto, médio e longo prazo serão sempre melhores. Sendo assim, é importante que as pessoas que tenham glaucoma ou tendência para ter glaucoma (hipertensão ocular ou mesmo pseudoexfoliação) e que porventura tenham também cataratas, que pensem em operar as cataratas logo que possível sem que isso seja uma urgência. Lembramos também que a cirurgia de cataratas, quando efetuada por cirurgiões experimentados, tem geralmente resultados muito bons e não põe em causa a vida dos doentes no momento cirúrgico pois que a mesma é feita com recurso a uma anestesia local que consiste apenas na colocação de gotas. Quanto ao tempo cirúrgico, geralmente não excede os 15 minutos e o paciente vai logo embora.

VOLTAR

NEWSLETTER
Siga-nos
facebook vimeo

© 2015. Todos os direitos reservados.
Design e desenvolvimento: LinkAge