Artigos

Resumo da Apresentação Tiago Ferreira na UMinho

2010-08-25 10:39:49



Integrado numa equipa multidisciplinar, o trabalho do optometrista é complementado com diferentes exames de diagnóstico, e não só, como a microscopia especular, topografia da córnea, biometria, tomografia de coerência óptica e aberrometria, que se revelam fundamentais no diagnóstico e tratamento de patologias como ceratocone, retinopatia diabética e glaucoma entre outras.

Todos estes exames vão permitir definir o seguimento a dar aos pacientes, desde tratamentos simples até ao avanço para cirurgia. A biometria é fundamental para definir a lente que irá substituir o cristalino num paciente com catarata. A tomografia da córnea vai permitir definir a curvatura da córnea, mas também o seu perfil de espessura que é importantíssimo na definição do tratamento de um paciente com ceratocone, mas também para intervenções cirúrgicas refractivas, por exemplo LASIK e lentes intraoculares. Com a avaliação da tomografia de coerência óptica temos disponível, com um método não invasivo e sem contacto, uma imagem da retina com uma resolução optimizada. A aberrometria vai permitir avaliar as aberrações existentes no olho (baixa e alta ordem) e assim definir tratamentos para as eliminar com cirurgia refractiva LASIK.

VOLTAR

NEWSLETTER
Siga-nos
facebook vimeo

© 2015. Todos os direitos reservados.
Design e desenvolvimento: LinkAge